Principais causas de febre em criança

A febre ocorre quando há uma elevação da temperatura do organismo como uma forma de proteção contra uma infecção. No caso das crianças, é comum que a febre gere fraqueza, falta de apetite, dor de cabeça e mal-estar. Pensando nisso, preparamos um conteúdo para você conhecer as causas mais frequentes de febre em crianças. Confira! 

Gripe com febre

Entre os sintomas da gripe, causada pelo vírus influenza, estão mal-estar, dor no corpo, febre alta acima de 38ºC, dor de cabeça e congestão nasal. Em alguns casos, o paciente também pode ter tosse seca e dor de garganta. 

Para evitar complicações causadas pela gripe, recomenda-se que crianças de 6 meses a menores de 6 anos (5 anos, 11 meses e 29 dias) tomem a vacina anual contra o vírus influenza. 

Amigdalite, laringite, faringite e otite 

As infecções que atingem as vias aéreas superiores como amigdalite, laringite e faringite são algumas das causas de febre em crianças. Muitas vezes, essas infecções são tratadas com analgésicos, anti-inflamatórios e dependendo do caso, até antibióticos.  

No caso das otites, a mais comum entre as crianças é a otite média, que ocorre na orelha média onde está localizado o tímpano. Essa otite pode ser causada por vírus ou bactérias e pode aparecer durante ou após infecções respiratórias ou na garganta. Isso ocorre por conta da ligação entre as vias aéreas e a orelha, que permitem a passagem de microorganismos. 

Viroses

Geralmente causado pelo rotavírus, a gastroenterocolite aguda, além de provocar febre nas crianças, traz sintomas como: diarreia aguda, vômitos e mal-estar.  Crianças menores de 6 meses podem ser vacinadas contra o rotavírus humano G1P1. A vacinação ocorre por via oral e ajuda a prevenir complicações causadas pela virose. 

Sarampo

Essa doença infectocontagiosa causa manchas avermelhadas na pele, tosse, mal-estar, perda de apetite e febre nas crianças. A vacinação é a melhor forma de prevenir as crianças contra o sarampo, divididas em dose zero, primeira dose e segunda dose.  

A dose zero ocorre em crianças de 6 meses a menores de 1 ano. Então, a segunda dose ocorre em crianças que completaram 12 meses. Depois, a terceira dose aos 15 meses de vida. 

Dengue

Nas crianças, a dengue provoca febre alta, vômitos e diarreia. Também é comum que a criança perca o apetite e fique sonolenta e apática. 

Leave A Comment